FESTA DA TRANSFIGURAÇÃO

DO SENHOR

 

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/7

        Em 6 de agosto de 2014 comemorou-se a Festa da Transfiguração do Senhor com a realização de uma missa na Igreja de Nossa Senhora da Anunciação, presidida pelo nosso Bispo Auxiliar, Dom Romanós Daoud, e concelebrada pelos padres Ibrahim Soliman e Pedro Henrique Marsiglia, ocasião que foi acompanhada por muitos fiéis.

        Na ocasião, o Padre PEdro Henrique proferiu a seguinte homilía:

        Excelência Reverendíssima, Dom Romanos

        Meu Irmão no Sacerdócio, Padre Ibrahim

        Meus Irmãos em Cristo,

        A festa da Transfiguração do Senhor, celebrada no Oriente desde o século V, celebra-se no Ocidente desde 1457.

        A Transfiguração preparou os Apóstolos para a compreensão desse mistério. Quase com o mesmo objetivo, a Igreja celebra esta festa quarenta dias antes da Exaltação da Cruz, a 14 de Setembro.                A Transfiguração de Jesus é um episódio do Novo Testamento no qual Jesus é transfigurado (ou "metamorfoseado") e se torna "radiante" no alto de uma montanha. Os evangelhos de Mateus 17:1-9, Marcos 9:2-8 e Lucas 9:28-36) e uma epístola (II Pedro 1:16-18) fazem referência ao evento. Nestes relatos, Jesus e três de seus apóstolos vão para uma montanha (conhecida como Monte da Transfiguração). Assim, segundo São Mateus 9,2-10, temos: "Jesus tomou consigo a Pedro, Tiago e João, e conduziu-os a sós a um alto monte.     E transfigurou-se diante deles. Suas vestes tornaram-se resplandecentes e de uma brancura tal, que nenhum lavadeiro sobre a terra as poderia fazer assim tão brancas. Apareceram-lhes Elias e Moisés, e falavam com Jesus.

         Pedro tomou a palavra: "Mestre, é bom para nós estarmos aqui; faremos três tendas: uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias". Com efeito, não sabia o que falava, porque estavam sobremaneira atemorizados. Formou-se então uma nuvem que os encobriu com a sua sombra; e da nuvem veio uma voz:   "Este é o meu Filho muito amado; ouvi-O".          E olhando eles logo em derredor, já não viram ninguém, senão só a Jesus com eles. Ao descerem do monte, proibiu-lhes Jesus que contassem a quem quer que fosse o que tinham visto, até que o Filho do homem houvesse ressurgido dos mortos. E guardaram esta recomendação consigo, perguntando entre si o que significaria: Ser ressuscitado dentre os mortos". Vamos rever os principais pontos: na montanha, Jesus começa a brilhar e os profetas Moisés e Elias aparecem ao seu lado, conversando com ele. Jesus é então chamado de "Filho" por uma voz no céu - presumivelmente Deus Pai - como já ocorrera antes no seu batismo.

 

        A Transfiguração é um dos milagres de Jesus nos evangelhos, diferente dos demais pois, neste caso, o objeto do milagre é o próprio Jesu