O SANTO SÍNODO DO ANO DE 2014

 

press to zoom

press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/8

         Convocado por Sua Beatitude João X, Patriarca de Antioquia e todo o Oriente, o Santo Sínodo reuniu-se de 1º a 4 de julho no Centro Patriarcal em Balamand. Participaram desta reunião todos os Arcebispos e Bispos do Trono Antioquino No oriente e na diáspora, com exceção dos Arcebispos de Aleppo, Paulo (Yazijy) por ter sido sequestrado, e  Constantino (Papastefanou), de Bagdá, por motivo de doença.

         A primeira sessão do Sínodo, por convite do Patriarca João X, foi assistida pelos Patriarcas do Oriente que também têm o título de “Patriarca de Antioquia”: das Igrejas Maronita, Melquita, Sirian Ortodoxa e Sirian Católica. Após a reunião emitiu-se uma declaração pelos Patriarcas sobre a situação atual e triste do Oriente Médio e o martírio que está sofrendo o povo da Síria, da Palestina e do Iraque.    Através desta declaração elevaram a voz para que prevaleça a palavra da paz, do amor, da convivência e do diálogo, ao invés do idioma da guerra, da morte, do assassinato e da destruição; sublinharam a importância do testemunho a Cristo, o vencedor da morte, nos tempos difíceis.

         Por fim, decidiu-se pela formação de uma comissão mista para tratar de diversas questões sobre o testemunho cristão no Oriente Médio e a necessidade de solidariedade em tempos de turbulência. Nas sessões subsequentes, Sua Beatitude João X apresentou um relatório sobre:

  • sua visita oficial à Igreja Ortodoxa da Rússia, na qual ele encontrou Sua Beatitude Kirill I, Patriarca de Rússia e autoridades eclesiásticas e políticas.

  • sua visita pastoral aos Emirados Árabes Unidos e Bahrein, onde passou pelas nossas paróquias, ouvindo as preocupações e desejos dos paroquianos, como, também, reunindo-se com as autoridades do governo.

 

            Logo em seguida os Padres do Santo Sínodo discutiram a situação atual das Arquidioceses do Patriarcado, tanto no Oriente, quanto na diáspora, e em comformidade com o que foi discutido, foram tomadas várias decisões dentre as quais:

  • A eleição de Sua Eminência Arcebi